AskPróxima páginaArquivo

youngjusticer:

"Let it burn."
Queen of the Flame, by Rika Chan.

"A gente perde, leva porrada, é passado pra trás, cai. Dói, dói demais. Mas passa."

-  Caio Fernando Abreu.    (via adesejar)

(Fonte: b-e-c-a-m-e-insane, via d-eclare-i)

"Antes eu sonhava, agora já não durmo."

- Renato Russo (numa-nice)

(via d-eclare-i)

"A vida nem sempre é romântica. Às vezes, é realista."

- Pretty Little Liars    (via desinibir)

(Fonte: linguagem, via d-eclare-i)

Foi embora, relaxa brother, deixa ir.

(Fonte: im-bebado, via re-ligiao-do-foda-se)

"Quero ler mais livros. Escutar mais músicas. Assistir mais filmes. Quero ter menos preguiça, sentar mais no chão, correr mais pelo parque. Sabe, essas coisas fazem com que eu me sinta livre. Acho ruim a gente ter que se aprisionar. Quero sair de noite, caminhar sem rumo, ficar olhando para o céu. Pode soar bobo, mas isso pra mim é tão importante."

- Clarissa Corrêa.  (via irracionavel)

(Fonte: cinquenta-receitas, via irracionavel)

"Era por isso que eu adorava ficar com você. Nós podíamos fazer coisas simples, como jogar estrelas-do-mar de volta na água, comer um hambúrguer e conversar, mas, mesmo naquela época, eu não tinha noção da minha sorte. Porque você era o primeiro cara que não tentava me impressionar o tempo todo. Você se aceitava, mas, além disso, me aceitava do jeito que eu era. Então nada mais importava, nem a minha família nem a sua, nem qualquer outra pessoa no mundo. Bastávamos nós dois. - Ela se deteve. - Não sei se já cheguei a me sentir tão feliz quanto naquele dia, mas, pensando bem, era sempre assim quando estávamos juntos. Eu não queria que acabasse nunca."

- Nicholas Sparks.  (via irracionavel)

(via irracionavel)

"Em alguns momentos, eu tenho vontade de explodir. Falar tudo o que penso sobre algumas coisas. Colocar para fora tudo o que está preso na garganta e implorando para sair. Falar pro vento, e pedir que ele entenda, e que me console. Por que todos se foram, só me resta o vazio. Ele compreende, sabe? Ele não reclama do que ouve. Junto a ele, eu explodo mesmo. Explodo e cato os caquinhos. Explodo e recomeço, com aquele sorriso bobo de, ‘nossa, como é bom desabafar’."

- Bruno Lima.  (via irracionavel)

(Fonte: desalojado, via irracionavel)

amarga-metade:

.